A nossa visão “A caminho do amanhã”

A nossa estratégia de sustentabilidade “A caminho do amanhã” está alicerçada no princípio de atuação responsável e sustentável: assumimos a responsabilidade económica, social e ambiental associada às nossas atividades empresariais. Por isso, queremos ser a primeira escolha do cliente, apostando sempre na qualidade dos nossos produtos, ao melhor preço e com elevados padrões sociais e ambientais, assente numa gestão eficiente das nossas operações. Temos com objetivo oferecer uma escolha ecológica e consciente para tornar o consumo dos nossos clientes o mais responsável possível.

Este é o nosso caminho do amanhã.

A certificação de produtos no Lidl

A proteção do ambiente, a segurança no trabalho e a justa remuneração são premissas fundamentais para o Lidl Portugal. Por isso, a oferta de produtos  de marca própria com certificações ambientais e sociais é uma das nossas preocupações, especialmente nos produtos cuja matéria-prima é considerada crítica do ponto de vista da sua exploração, condições de trabalho, impacto ambiental, sustentabilidade do ecossistema ou direitos humanos. Para garantir o maior número possível de produtos em normas de certificação reconhecidas trabalhamos em colaboração com organizações externas.

Objetivos

  • Fornecedores de marca própria 100% certificados na área da qualidade e segurança alimentar;
  • Implementação de auditorias para assegurar a qualidade, a segurança alimentar e os direitos humanos;
  • Aumentar a quantidade de produtos de marca própria com certificações Fairtrade, Rainforest Alliance, UTZ ou Bio.

 

cacau

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DO NOSSO CACAU

O cacau é a planta que está por detrás da produção do chocolate, um dos sabores mais populares do mundo. No entanto, embora a maioria das pessoas adorem o chocolate, certamente não adorariam conhecer as condições que os seus produtores podem ter de enfrentar.

Os produtores de cacau podem enfrentar muitos desafios na produção do nosso doce favorito. Tendo em consideração o aumento no preço do cacau como resultado da procura crescente, os agricultores e produtores devem ter a oportunidade de beneficiar desse aumento. Para além de salários e condições de vida e trabalho justas, os produtores de cacau devem também contar com ferramentas e conhecimento para lidar com os desafios ambientais que afetam as suas plantações.

Por esse motivo, estamos empenhados em apoiar organizações internacionais reconhecidas no cultivo de cacau sustentável e contamos com 100% do nosso cacau em produtos de marca própria certificado.

Conheça os nossos chocolates Way To Go que ajudam diretamente os pequenos produtores aqui.

UTZ

O programa UTZ agora faz parte da Rainforest Alliance e, em Julho 2021, entra em vigor seu novo programa de certificação, através do qual é possível verificar que os agricultores seguem práticas agrícolas mais sustentáveis que protegem as florestas, melhoram as suas condições de vida, promovem os direitos humanos e ajudam-nos a mitigar e a adaptar-se à crise climática.

Fairtrade

No Lidl, queremos garantir que os nossos produtos provêm de negócios justos para os pequenos produtores. Escolher um produto com certificação Fairtrade assegura que os produtores beneficiam de preços justos para os seus produtos. Esta certificação significa que os pequenos agricultores em países em desenvolvimento podem receber rendimentos justos e beneficiar de melhores condições de trabalho. Escolher um produto com certificação Fairtrade, concede aos agricultores a oportunidade de decidir sobre o seu futuro.

Rainforest Alliance

A Rainforest Alliance e UTZ são duas organizações sem fins lucrativos que se fundiram em 2018. A nova organização, sob o nome de Rainforest Alliance, lançou um novo selo e um novo programa de certificação que entra em vigor em Julho de 2021, unindo o melhor dos dois programas anteriores. No Lidl, reconhecemos nosso papel em promover práticas sustentáveis desde a origem de nossos produtos, e por essa razão é possível encontrar nas nossas lojas os selos Rainforest Alliance CertifiedTM, UTZ e o novo selo Rainforest Alliance em frutas e produtos como cacau, café e chá, que contribuem para um futuro melhor para as pessoas e a natureza. Os agricultores recebem formações que abordam questões como o trabalho infantil e promovem a igualdade de género e a não discriminação. A Rainforest Alliance também trabalha para conseguir melhores condições de vida para os agricultores e trabalhadores, como por exemplo, encorajando os agricultores a utilizarem boas práticas agrícolas que ajudem a melhorar os seus rendimentos e a reduzir custos. Os pequenos produtores devem proteger os recursos naturais e o ambiente, utilizando cuidadosamente a terra, a água e a energia. Devem também utilizar menos fertilizantes e pesticidas artificiais, prevenindo a poluição e gerindo os resíduos. Estes agricultores aprendem a preservar áreas florestadas e protegidas, o que por sua vez ajuda a apoiar a biodiversidade de plantas e animais, e são também formados para utilizar métodos agrícolas inteligentes e para se adaptarem aos efeitos da crise climática.

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DO NOSSO CAFÉ

O café é feito a partir das sementes secas e torradas da cereja do café e é uma das bebidas mais populares do mundo. No entanto, o café é mais do que uma bebida. É o modo de vida e o sustento de mais de 25 milhões de pequenos agricultores que dependem da indústria do café, em mais de 50 países.

Estes pequenos produtores operam em ambientes cada vez mais desafiantes. As alterações climáticas conduzem ao aumento das temperaturas e resultam em novos padrões de chuva, aumentando a volatilidade na produtividade da terra e originando variações de preços e rendimentos incertos para os pequenos produtores.

Atualmente, os consumidores são cada vez mais exigentes na escolha de café produzido de forma responsável, a nível social e ambiental. Isto implica uma boa gestão de recursos e o uso adequado de fertilizantes, pesticidas, água e energia. Significa também que os filhos dos pequenos agricultores têm oportunidade de ir para a escola e não são forçados a trabalhar. Garante aos produtores direitos de trabalho, habitação e saúde. Por fim, confere aos pequenos agricultores o poder para atuarem como profissionais e para se tornarem melhores empresários.

Por isso, comprometemo-nos a garantir a compra sustentável do nosso café e, até 2021, vamos ter 50% do nosso café de marca própria certificado.

UTZ

O programa UTZ agora faz parte da Rainforest Alliance e, em Julho 2021, entra em vigor seu novo programa de certificação, através do qual é possível verificar que os agricultores seguem práticas agrícolas mais sustentáveis que protegem as florestas, melhoram as suas condições de vida, promovem os direitos humanos e ajudam-nos a mitigar e a adaptar-se à crise climática.

Fairtrade

No Lidl, queremos garantir que os nossos produtos provêm de negócios justos para os pequenos produtores. Escolher um produto com certificação Fairtrade assegura que os produtores beneficiam de preços justos para os seus produtos. Esta certificação significa que os pequenos agricultores em países em desenvolvimento podem receber rendimentos justos e beneficiar de melhores condições de trabalho. Escolher um produto com certificação Fairtrade, concede aos agricultores a oportunidade de decidir sobre o seu futuro.

Rainforest Alliance

A Rainforest Alliance e UTZ são duas organizações sem fins lucrativos que se fundiram em 2018. A nova organização, sob o nome de Rainforest Alliance, lançou um novo selo e um novo programa de certificação que entra em vigor em Julho de 2021, unindo o melhor dos dois programas anteriores. No Lidl, reconhecemos nosso papel em promover práticas sustentáveis desde a origem de nossos produtos, e por essa razão é possível encontrar nas nossas lojas os selos Rainforest Alliance CertifiedTM, UTZ e o novo selo Rainforest Alliance em frutas e produtos como cacau, café e chá, que contribuem para um futuro melhor para as pessoas e a natureza. Os agricultores recebem formações que abordam questões como o trabalho infantil e promovem a igualdade de género e a não discriminação. A Rainforest Alliance também trabalha para conseguir melhores condições de vida para os agricultores e trabalhadores, como por exemplo, encorajando os agricultores a utilizarem boas práticas agrícolas que ajudem a melhorar os seus rendimentos e a reduzir custos. Os pequenos produtores devem proteger os recursos naturais e o ambiente, utilizando cuidadosamente a terra, a água e a energia. Devem também utilizar menos fertilizantes e pesticidas artificiais, prevenindo a poluição e gerindo os resíduos. Estes agricultores aprendem a preservar áreas florestadas e protegidas, o que por sua vez ajuda a apoiar a biodiversidade de plantas e animais, e são também formados para utilizar métodos agrícolas inteligentes e para se adaptarem aos efeitos da crise climática.

UE Bio

A utilização de fertilizantes e pesticidas químicos na agricultura pode comprometer a sustentabilidade dos solos e potenciar a poluição da água. A certificação UE Bio, para produtos biológicos, garante o cumprimento de condições rigorosas de produção, preparação, transporte e armazenamento. As vantagens deste tipo de produção são a ausência de pesticidas químicos e uma maior sustentabilidade ambiental e social, contribuindo para o desenvolvimento rural. No Lidl, estamos a apostar cada vez mais em produtos biológicos, que são obtidos através de uma agricultura que favorece a preservação dos recursos naturais, a promoção da biodiversidade e a aplicação de normas de bem-estar animal.

Os produtos biológicos são obtidos através de uma agricultura que não recorre à utilização de agroquímicos (herbicidas, fungicidas, inseticidas ou adubos químicos) evitando a degradação do ambiente e respeitando o equilíbrio da natureza. No Lidl, poderá encontrar diversos produtos biológicos, desde carnes, frutas e legumes, laticínios, massas, entre outros.

chá

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DO NOSSO CHÁ

Sabia que o chá é a segunda bebida mais consumida a seguir à água? Tendo em conta a sua popularidade, é crítico garantir que os pequenos produtores de chá, que produzem a maior parte do chá do mundo, conseguem proteger as suas colheitas das alterações climáticas, recebem preços justos pelo seu trabalho e promovem a igualdade de género.

Com a enorme procura global aumentou também o nível de exigência do consumidor, que procura produtos com origens sustentáveis. Nesse sentido, os desafios dos pequenos produtores de chá, e até mesmo os proprietários das plantações passaram a estar mais expostos, e os preços que recebem pelas suas colheitas ganharam um novo foco. Por esse motivo, é crítico garantir um rendimento justo para estes agricultores, para que não recebam salários abaixo do necessário para assegurar um padrão de vida decente nas suas regiões de origem.

Para além destes desafios sociais, os pequenos produtores devem também receber formações para que as alterações climáticas não venham agravar a situação no setor de produção do chá. Secas, inundações e eventos climáticos extremos nas regiões de cultivo de chá, podem reduzir a produção do chá e a qualidade das terras das plantações. Para além disso, por ser uma monocultura, o cultivo de chá pode impactar a floresta tropical e as suas comunidades envolventes, comprometendo a biodiversidade

Assim, procuramos promover métodos agrícolas mais sustentáveis e ecorresponsáveis que ajudam os pequenos produtores a proteger as suas colheitas e a aumentar os seus rendimentos, e protegem a biodiversidade das espécies envolventes, como os polinizadores. No Lidl, 100% das matérias-primas dos nossos chás verde, preto e rooibos têm certificação.

UTZ

O programa UTZ agora faz parte da Rainforest Alliance e, em Julho 2021, entra em vigor seu novo programa de certificação, através do qual é possível verificar que os agricultores seguem práticas agrícolas mais sustentáveis que protegem as florestas, melhoram as suas condições de vida, promovem os direitos humanos e ajudam-nos a mitigar e a adaptar-se à crise climática.

Fairtrade

No Lidl, queremos garantir que os nossos produtos provêm de negócios justos para os pequenos produtores. Escolher um produto com certificação Fairtrade assegura que os produtores beneficiam de preços justos para os seus produtos. Esta certificação significa que os pequenos agricultores em países em desenvolvimento podem receber rendimentos justos e beneficiar de melhores condições de trabalho. Escolher um produto com certificação Fairtrade, concede aos agricultores a oportunidade de decidir sobre o seu futuro.

Rainforest Alliance

A Rainforest Alliance e UTZ são duas organizações sem fins lucrativos que se fundiram em 2018. A nova organização, sob o nome de Rainforest Alliance, lançou um novo selo e um novo programa de certificação que entra em vigor em Julho de 2021, unindo o melhor dos dois programas anteriores. No Lidl, reconhecemos nosso papel em promover práticas sustentáveis desde a origem de nossos produtos, e por essa razão é possível encontrar nas nossas lojas os selos Rainforest Alliance CertifiedTM, UTZ e o novo selo Rainforest Alliance em frutas e produtos como cacau, café e chá, que contribuem para um futuro melhor para as pessoas e a natureza. Os agricultores recebem formações que abordam questões como o trabalho infantil e promovem a igualdade de género e a não discriminação. A Rainforest Alliance também trabalha para conseguir melhores condições de vida para os agricultores e trabalhadores, como por exemplo, encorajando os agricultores a utilizarem boas práticas agrícolas que ajudem a melhorar os seus rendimentos e a reduzir custos. Os pequenos produtores devem proteger os recursos naturais e o ambiente, utilizando cuidadosamente a terra, a água e a energia. Devem também utilizar menos fertilizantes e pesticidas artificiais, prevenindo a poluição e gerindo os resíduos. Estes agricultores aprendem a preservar áreas florestadas e protegidas, o que por sua vez ajuda a apoiar a biodiversidade de plantas e animais, e são também formados para utilizar métodos agrícolas inteligentes e para se adaptarem aos efeitos da crise climática.

UE Bio

A utilização de fertilizantes e pesticidas químicos na agricultura pode comprometer a sustentabilidade dos solos e potenciar a poluição da água. A certificação UE Bio, para produtos biológicos, garante o cumprimento de condições rigorosas de produção, preparação, transporte e armazenamento. As vantagens deste tipo de produção são a ausência de pesticidas químicos e uma maior sustentabilidade ambiental e social, contribuindo para o desenvolvimento rural. No Lidl, estamos a apostar cada vez mais em produtos biológicos, que são obtidos através de uma agricultura que favorece a preservação dos recursos naturais, a promoção da biodiversidade e a aplicação de normas de bem-estar animal.

Os produtos biológicos são obtidos através de uma agricultura que não recorre à utilização de agroquímicos (herbicidas, fungicidas, inseticidas ou adubos químicos) evitando a degradação do ambiente e respeitando o equilíbrio da natureza. No Lidl, poderá encontrar diversos produtos biológicos, desde carnes, frutas e legumes, laticínios, massas, entre outros.

pescado

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DO NOSSO PESCADO

Um bilião de pessoas, maioritariamente em países em desenvolvimento, depende do peixe como a sua principal fonte de proteína, o que representa uma procura elevada de pescado.

No entanto, quando muitos peixes são capturados e não existem adultos suficientes para reproduzir e sustentar uma população saudável, considera-se que a população de peixes está a ser sobreexplorada. A sobrepesca pode levar à extinção de diversas espécies de pescado e tem repercussões negativas nos ecossistemas marinhos.

A atividade da pesca deve ser gerida com cuidado para que outras espécies e habitats dentro do ecossistema marinho se mantenham saudáveis.

Por outro lado, a pesca ilegal, não regulamentada e não declarada deve ser combatida, obrigando a que estas práticas cumpram a legislação e operando com requisitos ambientais, para que não contribuam para o problema da sobrepesca.

O peixe é uma fonte importante de alimento para muitas pessoas e existem comunidades dependentes desta atividade, para quem a pesca é uma importante fonte de rendimento. Aproximadamente, 200 milhões de pessoas estão direta ou indiretamente empregadas no setor da pesca e na indústria dos produtos marinhos. É, por isso, crítico que a sua prática seja sustentável.

Por estas razões, comprometemo-nos a garantir métodos de pesca responsáveis para os nossos produtos – 100% do nosso bacalhau é certificado.

MSC - Marine Stewardship Council

A sobrepesca pode levar à extinção de diversas espécies de pescado e tem repercussões negativas nos ecossistemas marinhos. Para além disso, existem comunidades dependentes desta atividade, para quem a pesca é uma importante fonte de rendimento. Por essa razão, comprometemo-nos a garantir métodos de pesca sustentáveis para os nossos produtos.
O selo MSC assegura que o pescado é selvagem, sustentável e rastreável. Que foi capturado de acordo com exigentes requisitos de base científica para uma pesca sustentável, podendo ser rastreado até uma pescaria com a certificação MSC. Através da certificação MSC, garantimos que os nossos fornecedores mantêm intacta a origem sustentável do pescado, combatendo a pesca excessiva e protegendo o ambiente marinho.  A sustentabilidade na pesca significa que se deve deixar peixes suficientes no mar, respeitar os seus habitats e que as comunidades dependentes da pesca mantêm o seu meio de subsistência. O Lidl foi pioneiro a garantir que a totalidade do bacalhau vendido nas suas lojas é de pesca sustentavel.

ASC - Aquaculture Stewardship Council

É cada vez mais importante assegurar a rastreabilidade do pescado que é consumido. A ASC estabelece uma das principais normas ambientais e sociais para a certificação de aquaculturas responsáveis ​​e geridas de forma sustentável. No Lidl, queremos assegurar que os nossos produtores minimizam o seu impacto no ambiente marinho, preservam a qualidade dos recursos hídricos e não abusam de químicos e antibióticos. Estes padrões são essenciais para proteger o ambiente local e a vida selvagem, cuidando da comunidade local.
Ao apostarmos em produtos com a certificação da Aquaculture Stewardship Council (ASC), que intervém a favor de uma criação mais responsável de peixes e mariscos, estamos a assumir o compromisso com a preservação de áreas marinhas protegidas e a contribuir para uma pesca e produção em aquicultura mais sustentáveis.

oleo de palma

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DO NOSSO ÓLEO DE PALMA

A cadeia de valor do óleo de palma, desde a sua colheita até à utilização como ingrediente em produtos de retalho em todo o mundo, é complexa. A procura excessiva desta matéria-prima veio salientar a importância de escolher fontes sustentáveis de óleo de palma, para combater a desflorestação e a perda de biodiversidade.

O óleo de palma é um óleo vegetal comestível que tem origem no fruto de uma palmeira, cujo nome científico é Elaeis guineensis. Estas palmeiras de óleo são nativas da África, mas foram levadas para o Sudeste Asiático há cerca de 100 anos. Agora, a Indonésia e a Malásia respondem a aproximadamente 85% da oferta global, mas existem ainda 42 outros países que também produzem óleo de palma. O óleo de palma está presente em cerca de 50% dos produtos embalados que encontramos nos supermercados, desde pizza, donuts e chocolate, a desodorizante, champô, pasta de dente e batom.

Este óleo é extremamente versátil e possui muitas propriedades e funções diferentes, o que o torna tão útil e amplamente procurado. Tendo em consideração a elevada procura, é essencial escolher origens sustentáveis para estes produtos, que representam algumas das florestas com maior biodiversidade do mundo, assegurando a proteção do habitat de espécies já ameaçadas de extinção. Ao garantir que o óleo de palma veio de fontes sustentáveis, é possível evitar o lançamento de milhões de toneladas de gases de efeito estufa, que contribui para as alterações climáticas. Por outro lado, é também uma forma de proteger os pequenos produtores da exploração e combater o trabalho infantil.

O óleo de palma deve ser produzido de uma forma sustentável e que permita a rastreabilidade e transparência de toda a cadeia de valor. Por esse motivo, 100% do óleo de palma dos nossos produtos de marca própria é certificado.

RSPO - Roundtable on Sustainable Palm Oil

O cultivo intensivo de óleo de palma pode pôr em risco as florestas tropicais e a biodiversidade. No Lidl, estamos comprometidos a garantir fontes responsáveis para o nosso óleo de palma. A Roundtable on Sustainable Palm Oil (RSPO) é uma iniciativa global que visa promover a origem sustentável do óleo de palma. Colaboramos com a RSPO para assegurar métodos de cultivo sustentáveis nos nossos produtos e promover o respeito pelos direitos das comunidades locais impactadas pela produção de óleo de palma e palmiste. Esta certificação assegura que as áreas protegidas são excluídas do cultivo de palmeiras para o óleo de palma.

alimentação

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DOS NOSSOS PRODUTOS BIOLÓGICOS, VEGAN E VEGETARIANOS

Em quase todos os países do mundo enfrentamos desafios devido aos nossos hábitos alimentares. Quer seja a subnutrição ou a obesidade, os esforços de desenvolvimento global em áreas com elevada pobreza estão sob ameaça. O que comemos pode também ter um impacto positivo no clima, na vida na terra e na vida marinha.

Por esse motivo, é importante mudar para uma dieta sustentável e procurar mudar os nossos hábitos alimentares.

  1. Procure conhecer a origem dos alimentos que consome e opte por produtos certificados, de produção local e biológicos
  2. Troque os animais pelas plantas – não é necessário que todos nos tornemos vegetarianos ou veganos, mas comer uma proporção maior de alimentos de origem vegetal em relação aos alimentos de origem animal é melhor para a nossa saúde e do planeta
  3. Escolha alimentos saudáveis e minimamente processados – os frescos devem ter prioridade sempre que possível. Não deixe que a conveniência dite a sua tomada de decisão.

Procuramos aumentar a nossa oferta de produtos biológicos, vegan e vegetarianos, no sentido de permitir aos nossos clientes tomarem as escolhas mais responsáveis e ambientalmente conscientes. Nesse sentido, fomos também a primeira empresa do setor de retalho alimentar em Portugal a abolir a venda de ovos frescos provenientes de galinhas criadas em gaiolas e utilizamos exclusivamente ovos de solo ou biológicos nos nossos produtos de marca própria.

Saiba mais sobre os nossos produtos neutros em carbono aqui.

UE Bio

A utilização de fertilizantes e pesticidas químicos na agricultura pode comprometer a sustentabilidade dos solos e potenciar a poluição da água. A certificação UE Bio, para produtos biológicos, garante o cumprimento de condições rigorosas de produção, preparação, transporte e armazenamento. As vantagens deste tipo de produção são a ausência de pesticidas químicos e uma maior sustentabilidade ambiental e social, contribuindo para o desenvolvimento rural. No Lidl, estamos a apostar cada vez mais em produtos biológicos, que são obtidos através de uma agricultura que favorece a preservação dos recursos naturais, a promoção da biodiversidade e a aplicação de normas de bem-estar animal.

Os produtos biológicos são obtidos através de uma agricultura que não recorre à utilização de agroquímicos (herbicidas, fungicidas, inseticidas ou adubos químicos) evitando a degradação do ambiente e respeitando o equilíbrio da natureza. No Lidl, poderá encontrar diversos produtos biológicos, desde carnes, frutas e legumes, laticínios, massas, entre outros.

V-LABEL®

O vegetarinanismo e o veganismo são tendências em crescimento e, no momento de compra, os clientes têm dificuldade em confiar e identificar este tipo de produtos. O V-Label é um símbolo internacionalmente reconhecido para rotular produtos e serviços veganos e vegetarianos e surge como um guia simples e confiável para ajudar os consumidores no processo de compra. Ao apostar em produtos com a certificação V-Label, queremos promover a transparência e auxiliar nas decisões de compra do consumidor. Com o selo oferecemos a garantia, imediata e confiável, de que um produto é adequado às escolhas alimentares dos nossos clientes.

frutas

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DAS NOSSAS FRUTAS E LEGUMES

A utilização inadequada de herbicidas é um risco para a saúde dos trabalhadores e do nosso ambiente. As intervenções no ambiente, como a utilização desproporcionada de pesticidas na produção agrícola, deverão ser reduzidas a um mínimo.

Temos em vigor processos que visam a minimização da poluição e a aplicação de técnicas de irrigação mais responsável na fase de cultivo das frutas e legumes.

Numa visão de qualidade ao melhor preço, estabelecemos relações fortes com os nossos fornecedores e damos prioridade a produtores locais, assegurando que estes são certificados e promovem práticas de diminuição da poluição e erosão dos solos. Para isso, permitimos apenas a utilização de um terço do valor máximo definido por lei para os resíduos fitofarmacêuticos e temos como meta eliminá-los do cultivo de frutas e legumes.

O nosso compromisso com a certificação dos nossos produtos privilegia o contacto direto do nosso departamento de compras com os produtores, sendo que contamos com 100% fornecedores de frutas e legumes e flores e plantas certificados GlobalG.A.P.

As nossas bananas e o nosso abacaxi são também 100% certificados Rainforest Alliance.

GlobalG.A.P.

A certificação GLOBALG.A.P. é a referência nos sistemas de Boas Práticas Agrícolas e abrange toda a produção do produto. Esta certificação dirige-se aos produtores e garante que a agricultura é segura e que os possíveis impactos negativos da mesma estão a ser reduzidos. Serve de garantia também para questões como as condições de segurança, higiene e saúde dos trabalhadores, bem como a consciencialização e responsabilidade quanto a assuntos sociais e de bem-estar animal. Exigimos também a certificação GRASP, um módulo adicional GLOBALG.A.P. que foi concebido para analisar aspetos básicos sociais, nomeadamente relativos a condições de trabalho.

Rainforest Alliance

A Rainforest Alliance e UTZ são duas organizações sem fins lucrativos que se fundiram em 2018. A nova organização, sob o nome de Rainforest Alliance, lançou um novo selo e um novo programa de certificação que entra em vigor em Julho de 2021, unindo o melhor dos dois programas anteriores. No Lidl, reconhecemos nosso papel em promover práticas sustentáveis desde a origem de nossos produtos, e por essa razão é possível encontrar nas nossas lojas os selos Rainforest Alliance CertifiedTM, UTZ e o novo selo Rainforest Alliance em frutas e produtos como cacau, café e chá, que contribuem para um futuro melhor para as pessoas e a natureza. Os agricultores recebem formações que abordam questões como o trabalho infantil e promovem a igualdade de género e a não discriminação. A Rainforest Alliance também trabalha para conseguir melhores condições de vida para os agricultores e trabalhadores, como por exemplo, encorajando os agricultores a utilizarem boas práticas agrícolas que ajudem a melhorar os seus rendimentos e a reduzir custos. Os pequenos produtores devem proteger os recursos naturais e o ambiente, utilizando cuidadosamente a terra, a água e a energia. Devem também utilizar menos fertilizantes e pesticidas artificiais, prevenindo a poluição e gerindo os resíduos. Estes agricultores aprendem a preservar áreas florestadas e protegidas, o que por sua vez ajuda a apoiar a biodiversidade de plantas e animais, e são também formados para utilizar métodos agrícolas inteligentes e para se adaptarem aos efeitos da crise climática.

UE Bio

A utilização de fertilizantes e pesticidas químicos na agricultura pode comprometer a sustentabilidade dos solos e potenciar a poluição da água. A certificação UE Bio, para produtos biológicos, garante o cumprimento de condições rigorosas de produção, preparação, transporte e armazenamento. As vantagens deste tipo de produção são a ausência de pesticidas químicos e uma maior sustentabilidade ambiental e social, contribuindo para o desenvolvimento rural. No Lidl, estamos a apostar cada vez mais em produtos biológicos, que são obtidos através de uma agricultura que favorece a preservação dos recursos naturais, a promoção da biodiversidade e a aplicação de normas de bem-estar animal.

Os produtos biológicos são obtidos através de uma agricultura que não recorre à utilização de agroquímicos (herbicidas, fungicidas, inseticidas ou adubos químicos) evitando a degradação do ambiente e respeitando o equilíbrio da natureza. No Lidl, poderá encontrar diversos produtos biológicos, desde carnes, frutas e legumes, laticínios, massas, entre outros.

têxteis

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DOS NOSSOS TÊXTEIS

 A utilização de produtos químicos potencialmente prejudiciais na produção de artigos têxteis pode representar um perigo para a saúde dos trabalhadores e para o nosso planeta.

Ao defender métodos de produção seguros e ambientalmente responsáveis ​​nas nossas cadeias de valor, pretendemos apoiar uma mudança sistémica mais ampla. Ao mudar para materiais mais recicláveis, estamos a ajudar a criar uma economia circular e, ao investir em inovação de fibras ecológicas e eficientes em termos de recursos, procuramos apoiar um consumo mais sustentável e oferecer uma escolha mais consciente para os nossos clientes.

Fomos o primeiro retalhista a participar no  Compromisso Detox da Greenpeace, assumindo os seguintes compromissos:

• Eliminar produtos químicos potencialmente prejudiciais

• Reduzir a contaminação de águas residuais

• Reduzir a poluição que afeta as pessoas e tem impacto sobre o ambiente

Assumimos o compromisso de garantir uma fonte sustentável para os nossos produtos têxteis. Por esse motivo, lançámos as coleções de roupa Lupilu Pure Collection e Esmara Pure Collection, que utilizam algodão orgânico com certificação GOTS, e juntámo-nos à iniciativa Action Collaboration Transformation (ACT), onde assinámos uma declaração de intenções com o compromisso de garantir salários dignos para os trabalhadores nos países produtores da indústria têxtil e fortalecer ainda mais os direitos humanos na cadeia de valor.

Saiba mais sobre a nossa produção têxtil sustentável aqui.

EcoVero

A aposta nas fibras de viscose LENZING ™ ECOVERO ™ marca uma nova etapa no nosso caminho para a sustentabilidade. Estas fibras representam uma escolha de moda ambientalmente responsável e com um baixo impacto ambiental. As fibras Lenzing™ EcoVero™ provém de fontes de madeira renováveis certificadas, produzidas através de um processo ecologicamente responsável e cumprindo rigorosos padrões ambientais. Contribuindo para um ambiente mais limpo, estas fibras adaptam-se a um estilo de vida sustentável e eco-responsável.
A celulose utilizada para produzir as fibras de viscose Lenzing ™ EcoVero ™ vem de florestas ou plantações geridas de forma sustentável que são certificadas pelo FSC. Ao otimizar o processo de produção, o consumo de água e energia pode ser reduzido em 50% em comparação com a produção convencional de viscose.
As fibras Lenzing ™ EcoVero ™ são certificadas com o rótulo ecológico europeu, o que indica que cumprem altos padrões ambientais ao longo de toda a cadeia de valor.

GOTS - Global Organic Textile Standard

Assumimos o compromisso de garantir uma fonte sustentável para os nossos produtos têxteis. A certificação Global Organic Textile Standard (GOTS) foi fundada por organizações internacionais que defendem uma produção têxtil mais ecológica e socialmente responsável. Este selo identifica um padrão globalmente uniforme, regulável, social e ecológico, e apenas os produtos têxteis em que pelo menos 70% das fibras naturais são produzidas organicamente recebem a certificação. Toda a cadeia de valor têxtil é certificada de forma independente e todos os produtos são rastreáveis.

Cradle to cradle

A certificação Cradle to Cradle é uma norma de qualidade para produtos reciclados de diferentes áreas da indústria, como têxteis, cosméticos e embalagens.
O conceito baseia-se numa visão de economia circular, sem desperdício, na qual as matérias-primas são reutilizadas permanentemente em ciclos fechados.
O Cradle to Cradle tem como intuito impulsionar um design de produto inteligente no qual a reciclagem completa do mesmo e dos seus componentes seja tida em consideração, evitando também o uso de produtos químicos nocivos à saúde e ao ambiente.

Cotton made in Africa

A garantia de condições dignas de trabalho e de vida para os pequenos produtores e a sustentabilidade na produção do algodão é crítica. O COTTON MADE IN AFRICA é uma iniciativa da Fundação Aid by Trade e um dos principais padrões mundiais de algodão produzido de forma ecológica. O objetivo da iniciativa é ajudar os pequenos agricultores em África a melhorar as suas condições de vida e trabalho e a promover especificamente a proteção ambiental. Através do financiamento de formações, os agricultores aprendem métodos de cultivo eficientes e sustentáveis ​​que os ajudam a obter melhores rendimentos e a proteger o ambiente e a sua saúde. Este financiamento é possível graças à contribuição de empresas parceiras da COTTON MADE IN AFRICA.

celulose

A ORIGEM SUSTENTÁVEL DOS NOSSOS PRODUTOS DE PAPEL, CARTÃO OU MADEIRA

 A madeira e os produtos à base de madeira vêm das florestas, o maior e mais importante ecossistema do mundo. A madeira é a matéria-prima de muitos produtos que utilizamos diariamente (material escolar/ de escritório, roupa, brinquedos, embalagens diversas…). Atualmente, devido à grande procura de madeira, é crítico proteger as florestas tropicais da desflorestação, preservando a biodiversidade.

Temos como objetivo minimizar o nosso impacto ambiental e social, procurando obter madeira de origem sustentável, com rótulos certificados e materiais reciclados. Ao assegurarmos que a nossa madeira vem de fontes responsáveis, estamos a evitar que exista uma extração insustentável de madeira, que resulte na desflorestação e degradação por incêndios florestais.

No Lidl, queremos garantir que nossos produtos de madeira e derivados, fibras de viscose e embalagens de papel são adquiridos com responsabilidade, por isso estabelecemos os seguintes compromissos:

  • Em 2020, todos os nossos produtos de marca própria à base de madeira e papel serão de fontes de fibra de madeira reciclada ou de fontes certificadas FSC ou PEFC
  • Em 2025, pretendemos obter todas as embalagens primárias, secundárias e terciárias de fontes FSC, PEFC e / ou recicladas

FSC® - Forest Stewardship Council® (FSC® N001585)

A certificação FSC assegura que as florestas são geridas de uma forma responsável, ou seja, não são cortadas mais árvores do que aquelas que o crescimento sustentável da floresta o permite. Esta é uma garantia de que os animais e as plantas estão protegidos e que as pessoas que trabalham na floresta podem ter uma educação garantida, equipamentos de segurança e remuneração adequada.

PEFC - Programme for the Endorsement of Forest Certification

A desflorestação de florestas tropicais, que põe em risco diversas espécies e comunidades, é uma preocupação para o Lidl. Com a certificação PEFC conseguimos garantir que os produtos de papel e cartão têm origem em florestas com gestão sustentável, promovendo a proteção da biodiversidade.

Outras certificações

Eco Label

Eco Label

A produção ecológica e a garantia de elevados padrões ambientais são essenciais para a sustentabilidade do planeta. A Eco Label é uma certificação europeia para produtos e serviços não alimentares que tem como objetivo estimular a produção e o consumo mais responsável. Esta certificação identifica produtos que têm um impacto reduzido no ambiente em toda a cadeia de valor, desde a origem à produção, distribuição e descarte, com um especial foco nas matérias-primas utilizadas, como a energia, água, resíduos e embalagens, entre outros. Este selo promove a economia circular, incentivando os produtores a gerar menos resíduos e reduzir as emissões de CO2 no processo de fabrico, desenvolvendo produtos com maior durabilidade, com fácil reparação e recicláveis.